Lanchinho ou Merenda Escolar

 

6909788139_101416f05f_o

Preparar merenda escolar para as crianças levarem para a escola é sempre um desafio. As mães estão sempre divididas em o que preparar. Um lanchinho com frutas frescas, vegetais cortadinhos, sanduíches, nozes, suco fresco, achocolatado caseiro, iogurtes, ou um pacote de chips/salgadinhos, um suco de caixinha, um pacote de biscoitos recheados…ou dinheiro?

Para mim, lanchinho preparado em casa sempre foi a melhor opção. Meus filhos, desde de pequenos, seguiram a dieta GAPS e precisaram de muita atenção com os alimentos. E sim preparar os lanchinho em casa todos os dias era um desafio. Mas todo o desafio vale apenas quando o seu(ua) filho(a) aprende a lidar com o que tem. Sempre ensinei aos meus filhos que “isso é o que temos, e é isso que comemos.” Independente do que eu colocava em suas lancherinhas para a escola era aquilo que eles iriam comer. Meus filhos são muito bons com isso e aceitam o que eu coloco na mesa, comem sem nenhum problema. Eu os ensinei assim, pois é mais fácil lidar com crianças que aceitam e respeitam, do que lidar com crianças que nunca aprenderam a aceitar ou respeitar.

Summer_kids_eat_lunch_-_Flickr_-_USDAgov





Como meus filhos sempre seguiram uma dieta específica, é muito importante que os lideres da escola, como professores, diretores, serventes, e até mesmo os amiguinhos/coleguinhas, saibam que qualquer outro alimento que não for o lanchinho deles próprios poderia deixa-los muito doentes. Tive e ainda tenho muitas reuniões com os lideres na escola todo começo de ano escolar para orienta-los de quão importante é a dieta para meus filhos. Na escola Nice Braga em Curitiba meus filhos tiveram um apoio de 100% dos profissionais. Eles sempre serviam aos meus filhos com muito cuidado e precaução. Sempre de olho para que os amiguinhos não compartilhasse dos seus lanchinho com eles. O lanchinho sempre vinham fresquinho e seguiam as orientações da deita.

Hoje meus filhos levam seu próprio lanche para a escola, eles sabem o por quê eles comem diferente dos outros coleguinhas, sabem que se eles quebrarem a dieta eles ficarão doentes e no caso do meu filho mais velho eu preciso recomeçar todo o processo da dieta novamente. Eles sabem o quanto é difícil seguir as regras de uma dieta. Hoje, para meus filhos isso já não é um problema, eles já estão tão acostumados que quando qualquer coleguinha faz qualquer comentário eles respondem “Eu faço uma dieta especial, e qualquer outro alimentos que não esteja dentro da deita pode me fazer muito mal”.

Para qualquer criança que faz dieta especial, sofre com alergias ou que segue uma dieta opcional é muito difícil. Eles(as) podem sofrer preconceitos, ficar com vergonha por causa do seu lanchinho, e ser motivo de piadas e zombaria. Por isso é muito importante sempre os pais ensinar para seu filho(a) sobre a importância da dieta que eles seguem e conversar com os profissionais da escola para ficar atento a qualquer situação, principalmente se seu(ua) filho(a) for criancinha e não entende o que se passa ao redor dele(a). Bullying de qualquer tipo deve ser reportado e se seu filho(a) sofrer qualquer tipo de agressão, tanto verbal, emocional, ou física, isso deve ser reportado imediatamente.

Eu como mãe sempre procuro estar presente na vida diária dos meus filhos. Eu sempre acompanhei meus filhos em seus progressos e desenvolvimentos durante o ano escolar, pelo menos uma ou duas vezes na semana eu ou meu esposo vamos na escola para lanchar com eles. Eu sempre converso com as professoras para saber como eles estão indo durante a semana. Para mim e para meus filhos, é muito importante que eu esteja sempre presente. Eles adoram me ver aparecendo de surpresa para lanchar com eles, ou aparecer na sala de aula para trabalhar como voluntária.

Independente de qual for o lanche que seu filho(a) for levar para a escola, sempre tenha certeza que seu(ua) filho(a) sempre vai estar bem!

Falando sobre lanches escolares, aqui tem algumas dicas e ideias sobre como preparar um lanche saudável, gostoso, e divertido para suas crianças levarem para a escola.

8718830866_a31cfa623a_o





DicaSimples:

Procure sempre preparar lanchinho que é nutritivo e tem variedade; crianças gostam de cores, novidade e opção. Você poder adicionar à lancheira combinações de frutas e vegetais que as crianças já estando acostumadas a comer. Adicione sempre uma quantidade que a crianças vai comer e se saciar, sem esperdícios e gastos extras.

 

8674528521_ecaf25fef4_o

DicaSimples:

Seja simples e ao mesmo tempo divertido. Varie nos formatos na hora de preparar o lanche e tenha sempre lancheiras de plástico extra (dessas bem baratas que se a crianças perder ou esquecer na escola não vai ser uma perda muito grande). Inclua sempre algo salgado para o lanche, como queijos, crackers, ou um pãozinho salgado.

 

8480757646_be6774fe10_o

DicaSimples:

Sanduíches são sempre uma ótima opção de lanche. Para lanche da escola, não precisa ser algo grande nem exagerado, sempre prepare algo, “do tamanho de sua criança”. Se o lanchinho preparado for algo nutritivo, a criança estará bem alimentada com pouco. Sempre tenha vegetais e frutas na mesma lancheira, assim a criança tem variedade e se alimenta bem.

 

8539742484_3c6c3ce391_o

 





DiaSimples:

Cores são importantes, crianças amam cores. Essas vazilhinhas coloridas são fáceis de encontrar nas lojas de desconto ou em lojas de importados. São de silicone e vem em várias cores, formatos e tamanhos diferentes. Na lancheira você pode incluir pães, bolos, cupcakes, biscoitos/cookies, variando a cada dia.

8598689514_a1b14a2775_o

Sim crianças pode comer salgadinhos, bolachas recheadas e bolo de chocolate mas tenha certeza que esse tipo de lanche seja apenas de vez enquanto. Crianças não precisam desse tipo de comida todos os dias elas precisam de uma boa nutrição como noses, castanhas, pão integral, saladas, carnes magras, vegetais, legumes, folhas verdes e frutas frescas. Com muito açúcar no sangue depois do lanche as crianças não conseguem se concentrar, ficam agitadas e fadigadas dificultando a aprendizagem.

 

fruits-465832_1920

Quando se fala de lanches, não podemos esquecer de água, sucos naturais, leite animal ou vegetal. Sempre é muito importante que a criança tome bastante liquido todos os dias. Água é de graça e necessário para o corpo humano, sucos naturais são ótimos, nutritivos mais leva tempo para preparar e tem um custo, assim como leite e outras bebidas industrializadas. Não necessariamente o lanche escolar precisa ser acompanhado de sucos ou bebidas industrializadas, um simples copo com água é o suficiente. Bebidas industrializadas como suquinhos artificiais, em caixinha, garrafinhas ou pacotinhos são feitos quase sempre com ingredientes concentrados (muito açúcar) químicas denecessárias, corantes artificiais, e vitaminas adicionadas. Sinceramente crianças não precisam disso!





DicaSimples:

Na hora de preparar o lanche, prepare com antecedência. Prepare um menu da semana ou do mês para manter a organização e saber o que você precisa comprar e preparar. Prepare o lanche na noite anterior, para evitar atrasos pela manhã.

Sempre tenha lancheirinhas extras em casa, crianças sempre perdem ou esquecem coisas na escola.

Se sua criança tem alergias, ou faz alguma dieta especial, converse com os profissionais daquela escola sobre os cuidados a serem tomados. Esses profissionais também devem orientar os coleguinhas para evitar qualquer problemas. Crianças não entendem todas as coisas e algo que é normal para seu filho(a) talvez não seja normal para o coleguinha de sala de aula.

Se seu filho(a) não tem hábitos saudáveis ajude a ele(a) a reconhecer a importância de uma alimentação saudável. Criança não nasce sabendo e é nosso dever como pais ensina-los o que é certo. Educação e respeito se aprende em casa, não na escola.

Se seu filho(a) está sofrendo preconceitos ou discriminação na escola, fique atentos. Bullying precisa ser denunciado. Hoje mais de 1000 crianças e adolescentes cometem suicídios todo ano por causa de bullying. Não deixe que seu filho(a) seja uma vitima!

Esteja sempre presente. Pais que são presentes na vida dos filhos (como visitá-los na escola, ajudar com tarefas de casa, frequentar as atividades escolares, e estar presentes nas reuniões com os profissionais de educação) tem menos chance de terem seus filhos(as) envolvidos com drogas, álcool, e problemas morais. Crianças que são sempre acompanhadas pelos pais são crianças mais inteligentes, espertas, amorosas, dedicadas, obedientes e bem-sucedidas.

Se você tiver alguma opinião ou pergunta, não esqueça de deixar seu comentário aqui ou no Facebook.

Leave a Reply